SNIF - Exportação - Produtos Florestais Não Madeireiros 2016 - Análise

Exportação - Produtos Florestais Não Madeireiros 2016 - Análise

  • 03ltima actualizacin em Jueves, 13 de Febrero de 2020, 14h56

Relatório analítico das exportações PFNM - 2016:

  1. O produtor mais exportado no ano de 2016, em valor, foi Castanha de Caju. Em quantidade, o produto mais exportado foi Erva-mate.
  2. Os 5 países que mais importam produtos não madeireiros do Brasil, considerando o total em valor, são Estados Unidos (US$ 108.893.237), Uruguai (US$ 69.732.737), Alemanha (US$ 19.195.610), Países Baixos (US$ 15.086.584) e China (US$ 13.718.215). Pode-se utilizar o filtro “Países de destino” para obter a informação apenas sobre esses países.
  3. Os 5 estados brasileiros que mais exportam, em valor, são Ceará (US$ 159.492.323), Rio Grande do Sul (US$ 66.470.964), Piauí (US$ 44.051.845), Rio Grande do Norte (US$ 25.183.477) e Paraná (US$ 10.032.172).
  4. Pela série mensal, observa-se que o mês que possui maior exportação, em quantidade, é março.

Dados Complementares